Confira as 14 melhores séries do Netflix




"Tendo como cenário a Nova York na década de 60, “Mad Men” fala de uma das agências de publicidade mais prestigiados na famosa Madison Avenue. A agência está indo bem, mas como a indústria cresce a competição começa a endurecer. É uma época em que tudo, incluindo a indústria publicitária, está passando por uma reforma radical. Os dois protagonistas são o enigmático Don Draper (Jon Hamm), um executivo bem-sucedido cuja infância parece ficar sempre no caminho da sua felicidade, e a ambiciosa Peggy Olson (Elizabeth Moss), uma ex-secretária que sobe a escada corporativa.

Breaking Bad

Walter White (Brian Cranston) é um professor de química do ensino médio diagnosticado com câncer de pulmão em estágio avançado. Para proteger as finanças de sua família antes de morrer, ele usa seus conhecimentos para fabricar a melhor metanfetamina do mercado. Seu parceiro é o ex-aluno marginal Jesse Pinkman (Aaron Paul). O seriado é repleto de conflitos morais e questões familiares. O antiheroi Walter White é um dos personagens mais complexos e fascinantes da história recente da teledramaturgia.

House of Cards

"A série produzida pela Netflix é um dos melhores dramas políticos desde “The West Wing”. Gira em torno do protagonista Francis Underwood (Kevin Spacey), líder democrata no Senado dos EUA que usa cada segredo político para aumentar sua influência e destronar inimigos em seu caminho até o topo. Sua aliança com a lobista ambiental Claire (Robin Wright), sua mulher, é sem dúvida uma das mais brilhantes da TV, mostrando o quão os dois personagens estão dispostos a ir para bater os seus adversários e alcançar os objetivos — ou se autodestruírem.

Californication

A saga de sete temporada sobre Hank Moody (David Duchovny) – um romancista conturbado com um apetite insaciável por drogas, bebidas e mulheres – é cheia de sexo, diversão e melancolia. Vencedor do Emmy, o seriado trecebeu uma quantidade razoável de críticas de vários grupos conservadores pelo conteúdo explícito, mas é o hedonismo e o humor negro que o tornam tão interessante.

Lilyhammer

Estrelado por Steven Van Zandt – da banda de Springsteen, a E-Street Band – Lilyhammer segue a trajetória do mafioso de Nova York Frank “The Fixer” Tagliano. Depois de testemunhar contra um chefe da máfia que está tentando matá-lo, Tagliano entra em um programa de proteção a testemunhas na isolada cidade norueguesa de Lillehammer. Uma comédia com toques de drama, “Lilyhammer” garante boas histórias com uma dose perfeita de humor com choque cultural.

Peaky Blinders

Cillian Murphy estrela este drama histórico britânico passado logo após a Primeira Guerra Mundial. Murphy interpreta Tommy Shelby, chefe de uma quadrilha baseada em Birmhingham. Sam Neill, de “Jurassic Park”, faz o detetive enviado para investigar e tentar impedir as maldades da quadrilha. Se você gosta de “Boardwalk Empire”, da HBO, vai adorar “Peaky Blinders”.

Archer

“Archer” não é a apenas uma série de animação. É como um híbrido entre “Arrested Development” e qualquer filme de espião. A ISIS é uma agência de espionagem internacional que lida com crises globais. Considerando que a agência de espionagem é essencialmente uma panela de pressão em que convivem a mãe de Sterling Archer, Malory Archer (Jessica Walter) e sua ex-namorada Lana Kane (Aisha Tyler), a maioria das cenas serve apenas como oportunidades para o personagem central sacanear os colegas de trabalho. É uma série cínica, com diálogos rápidos e precisos.

Arrested Development

Depois que seu pai foi preso por fraudes contábeis, Michael Bluth tem os bens da empresa familiar congelados. Ele é o responsável por manter a sua família disfuncional unida, o que vira uma fonte de dores de cabeça patéticas incríveis. A família Bluth tenta lidar com a falência. Apesar de ter recebido elogios em massa da crítica, a série foi  cancelada depois da terceira temporada devido à baixa audiência. Mesmo assim, o texto excelente e um elenco talentoso a transformam numa comédia que você não pode perder. Os pedidos dos fãs fizeram como que a Netflix gravasse uma quarta temporada.

Parks and Recreation

Uma comédia feito no típico estilo mockumentary (como “The Office”), P&R é um estudo hilariante dos moradores cômicos de Pawnee, no estado americano de Indiana. A funcionária pública Leslie Knope (Amy Poehler), do departamento de Parques e Recreação, tenta liderar sua equipe que trabalha diligentemente para tornar a cidade de Pawnee um lugar melhor para todos. O elenco ainda tem três novos grandes nomes do humor, como Nick Offerman, Aziz Ansari e Rashida Jones.

BoJack Horseman

A ótima animação da Netflix conta com a dublagem de algumas das mais brilhantes estrelas brilhantes da TV, como Will Arnett, Alison Brie, Aaron Paul. A comediante Amy Sedaris também empresta sua voz neste seriado hilariante sobre um cavalo que tenta retomar sua carreira de ator. Ridículo em todos os aspectos, Bojack Horseman é garantia de risadas do estilo de vida de celebridades.

Orange is the New Black

Baseado em uma história verdadeira, OITNB fala de Piper Chapman. Como uma garota de classe média vai para uma prisão só de mulheres como resultado de tráfico de drogas a droga (a verdadeira Piper escreveu um livro de memórias com base em seus anos de lavagem de dinheiro e e o tempo na cadeia). É muitas vezes engraçado, com interações hilariantes entre as companheiras de cela, mas isso não significa que não fique também pesado. Uma terceira temporada está prevista para 2015.

Sherlock

Nem todas as adaptações dos romances emblemáticos de Sir Arthur Conan Doyle são boas. Felizmente, “Sherlock” é um tiro certeiro. Benedict Cumberbatch interpreta o papel principal, uma releitura moderna de Holmes na Londres de hoje. Charme e cérebro ajudam o detetive a enfrentar os criminosos mais terríveis — com a ajuda elementar do velho e bom Watson (Martin Freeman), é claro.

Luther

A produção da BBC fala de John Luther (Idris Elba), um brilhante porém atribulado detetive inglês. É semelhante a Sherlock em muitos aspectos, dado que os métodos de Luther são pouco ortodoxos. O personagem do bonitão Elba é brutal e implacável, e muitas vezes ele se vincula a criminosos para resolver os crimes. Ele é um tipo de personagem marginal, um antiheroi cuja grande ameaça é a burocracia de seu próprio departamento policial.

Twin Peaks

Este clássico cult do início dos anos 90 é fruto da mente doentia do diretor David Lynch. Depois que a rainha do baile Laura Palmer é assassinada, o agente do FBI Dale Cooper chega à pequena cidade de Washington para investigar o caso. A esquisitice de Lynch inclui desde a música até demônios homicidas e sonhos enigmáticas com sósias de pessoas mortas, passando por um agente do FBI fanático por de torta de cereja e uma “maldição da boa xícara de café.” Infelizmente, apesar de ter sido um dos seriados mais populares da década, nunca foi renovado para uma terceira temporada – isto é, até David Lynch decidir que iria revisitar a cidade icônica no início de 2016 no canal Showtime."

 

 

 

 

 







Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...